Inteligência de Negócios (BI)

Business intelligence (BI) é um conceito associado a técnicas de identificação, extração e análise de dados de negócios baseado em tecnologia da informação. A análise de milhões de informações mostram tendências e associações que não poderiam ser identificadas através de métodos manuais ou através de softwares de escritório, tais como MS-Office, OpenOffice ou Google Docs. As ferramentas e técnicas de BI permitem identificar padrões de comportamento  e fazer projeções mais precisas do comportamento dos consumidores e melhora as tomadas de decisão.

Com a quantidade descomunal de dados pessoais com seus hábitos e costumes disponíveis através das redes sociais (Facebook, Orkut, MySpace, MSN, FourSquare, Linkedin e outros) é possível detectar comportamentos e planejar estratégias de marketing e novos produtos e serviços com mais assertividade. Usar os dados pessoais de forma estatística sem identificar os usuários não fere os direitos de privacidade. A quantidade de dados deve aumentar com o uso mais intensivo de dispositivos móveis.

Usando uma definição ampla, podemos dizer que o BI é um conjunto de metodologias, processos, arquiteturas e tecnologias que transformam dados brutos em informações significativas e úteis para tomadas de decisões mais eficazes, ter insights e aperfeiçoar processos operacionais de negócios.

Precisamos diferenciar os conceitos de “data warehousing” e “business Intelligence”. Um data warehousing (DW) é um repositório de dados estruturado com um ou vários subconjunto de dados, chamado de data mart. Nem todos os DWs utilizam técnicas de BI e nem todos os softwares de BI utilizam DW.

Um software de BI para agregar valor aos negócios de uma empresa deve ter as seguintes funcionalidades:

  • Medição. O software deve criar uma hierarquia de medidas de desempenho e de benchmarking para oferecer informações aos executivos de negócios sobre o progresso de suas metas;
  • Análise. O software de construir processos quantitativos para um determinado negócio para convergir para decisões ótimas e prospectar dados para descobrir características do negócio não visíveis por simples observação.
  • Relatórios Gerenciais. O software deve possuir facilidades para criar relatórios estratégicos, diferente dos relatórios operacionais;
  • Plataforma de Colaboração. O software deve possuir mecanismos para interoperar com outros softwares para troca de dados para criar um ambiente integrado de dados;
  • Gestão do Conhecimento. O software deve estruturar o conhecimento do negócio para permitir a criação de novos processos e produtos, gerando um ambiente de aprendizado contínuo.

A condução de um projeto de BI requer a coleta de que impactam a tomada de decisão dos usuários de negócios. Os requisitos de negócio estão relacionados aos processos diários e fundamentais para a coleta e armazenamento de dados.

Para o sucesso de um projeto de BI é necessário pelo menos atender a três principais áreas: nível de comprometimento e patrocínio do projeto por um executivo sênior; se o negócio está preparado para utilizar as ferramentas de BI; e, se a qualidade e quantidade de dados são suficientes para um bom resultado.

Deixe uma resposta