O vetor futuro na avaliação de desempenho

Como seria a KFC hoje se tivesse investido na carreira de Jack Ma? O fato é que a KFC continua vendendo frango e Jack Ma, fundador do Alibaba, é o homem mais rico da China.

O principal equivoco dos processos de avaliação atuais é que apenas oferecem feedback para enquadrar os funcionários aos padrões de comportamento e cultura da empresa, e alinhar o perfil técnico as características dos cargos que ocupam, previamente definidos. As empresas que fazem isso com excelência operacional estão fadadas ao fracasso, no longo prazo.

Os processos de desempenho devem considerar o Vetor Futuro na avaliação dos funcionários. O Vetor Futuro avalia o potencial do funcionário na transformação dos negócios da empresa para enfrentar os desafios futuros e novos mercados. Isso inclui conhecer sua visão de futuro, as atividades que está desenvolvendo fora do trabalho (cursos, startups, serviços voluntários, hobbies, etc.) e sua influência nas redes sociais públicas e internas (físicas e virtuais). Continue lendo “O vetor futuro na avaliação de desempenho”

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin

A Geração Distribuída substituirá o Mercado Livre de energia?

A Resolução Normativa nº 687/2015 da Aneel que trata sobre a geração distribuída, atualização da resolução nº 482, cria enormes oportunidades para novos modelos de negócios e projetos de geração de energia, principalmente na geração fotovoltaica. Esse novo cenário regulatório de geração distribuída (GD) pode superar o modelo atual de comercialização do Mercado Livre de energia.

A nova resolução define como microgeração de energia até 75kWp e a minigeração até 3.000kW para fontes hídricas e até 5.000kWp para fontes renováveis (biomassa, eólica e fotovoltaica). Também, cria a oportunidade para consumidores se reunirem em cooperativas e consórcios, e ainda permite o consumo remoto. Continue lendo “A Geração Distribuída substituirá o Mercado Livre de energia?”

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin

Um Supply Chain transparente e ético usando tecnologia blockchain

Hoje a transparência e a ética nas relações entre governos, pessoas e empresas são fundamentais para o desenvolvimento sustentável. Os objetivos de desenvolvimento sustentáveis (ODS) das Nações Unidas nos desafiam a buscar soluções para melhorar a qualidade de vida das pessoas e ações efetivas para reduzir os impactos das mudanças climáticas. Temos como trabalho infantil, trabalho escravo e rendimentos dignos são temas em debate.

Atualmente, quando compramos um produto não temos a menor ideia da origem de seus insumos e de seus custos originais. A cadeia de suprimentos é opaca para nós e só conhecida pela empresa que fabrica o produto final. Pode ser que uma empresa esteja tendo um lucro maior ou preço de venda menor por utilizar trabalho infantil ou técnicas de produção poluentes.

Empresas pioneiras já perceberam as vantagens competitivas das cadeias de suprimentos abertas, transparentes e a produção sustentável. Um exemplo, são os fornecedores de peixes John West que passou a incluir códigos nas latas de atum para permitir que um consumidor possa rastrear o produto de volta ao pescador. Só essa iniciativa aumentou em US$22,6 milhões em vendas da marca. Continue lendo “Um Supply Chain transparente e ético usando tecnologia blockchain”

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin

O desafio do crescimento do Brasil será vencido através da produtividade e criatividade

Parece que existem dois consensos entre os economistas, a necessidade de um ajuste fiscal e o aumento da produtividade da indústria. A previdência é uma bomba relógio que se não desarmada agora destruirá a aposentadoria no futuro. De dezembro de 2014 até agosto de 2016 a massa trabalhadora perdeu R$10 bilhões, como resultado do desemprego e redução dos rendimentos. A recuperação projetada acontecerá, gradativamente, até o final de 2018. O desemprego recuará pouco de 11,9% em 2016 para 10,2% em 2020, enquanto a variação anual da massa salarial real atingirá 3,7% em 2020, menor que em 2004.

Segundo o IBGE, a produtividade nacional caiu de 3,4% em 2013 para -1,7% em 2015, onde produtividade é a relação entre a Produção Física e o Número de Horas Pagas. Existem outras formas de calcular a produtividade, como a relação entre PIB (Produto Interno Bruto) e o total de horas pagas trabalhadas ou ainda, a relação entre o PIB e a massa trabalhadora empregada.

rede-massa-trabalhadora-1

Continue lendo “O desafio do crescimento do Brasil será vencido através da produtividade e criatividade”

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin

Inovação por subtração e produtividade é a saída para superarmos a crise econômica

Os sinais da economia brasileira e internacional mostram que temos um gigantesco desafio a frente, incluindo empresas, governo e nós mesmos. Nossa dívida pública associada com juros altos e crescimento negativo do PIB está levando o Brasil a bancarrota. A cada dia a situação piora, aumentando a dívida e reduzindo, drasticamente, a capacidade do governo investir em infraestrutura e deteriorando os serviços públicos e programas sociais. O número de desempregados aumenta e a inflação coroe o poder de compra de quem trabalha. Para quem lembra dos anos 80s fica ainda mais atormentado com essa situação. Bom, não podemos ficar parados esperando o pior, temos que agir imediatamente para proteger nossas empresas e o nosso patrimônio. Uma saída é desenvolvermos produtos e serviços com inovação por subtração e aumentarmos a produtividade nas empresas.

Continue lendo “Inovação por subtração e produtividade é a saída para superarmos a crise econômica”

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin