[e-book] 10 tópicos que vão transformar o seu negócio

R$0,00

O e-book trás dez artigos de Eduardo Fagundes que mostram os desafios do mercado atual, as novas tecnologias e estratégias de governança para tornar as empresas mais competitivas e à prova de futuro. O e-book é o inicio de uma longa jornada de transformação pessoal e organizacional através da educação para criar novas oportunidade de negócios.

Categoria:

Conteúdo do e-book

  1. Organizações à prova de futuro (Future-proof organizations)
  2. Big Data/Analytics na gestão de negócios (Data-driven Business)
  3. Inteligência Artificial aplicada na Indústria (4.0)
  4. Inteligência Artificial aplicada em Eficiência Energética
  5. Como criar valor de mercado com negócios sustentáveis
  6. Governança Corporativa para empreendedores
  7. Governança Inteligente para Cidades
  8. Governança da Segurança Cibernética
  9. Orçamento e Custeio de Serviços de TI
  10. Como Elaborar uma RFP – Request-for-Proposal

Introdução

O mundo está em transformação! Nenhuma novidade. Os modos e costumes dos povos estão em constante evolução a milênios. Antes da Revolução Industrial do século XIX, os marcos de evolução e sua adoção pelos povos eram contados em décadas. As novidades chegavam por cartas ou viajantes após longas viagens. O impacto de uma inovação em uma região do planeta, pouco influenciava outros mercados no seu lançamento e era possível planejar com calma sua adoção e adaptação a cultura local. O mundo era “devagar”.

Novas tecnologias de mídia, como cinema, rádio e televisão, começaram a disseminar novas modos e costumes mais rapidamente, transformando o mercado global. A Internet, um dos maiores marcos transformadores recentes, tornou quase que instantânea a adoção de novos modos e costumes no planeta. A Internet móvel nos smartphone integrou regiões distantes e inseriram bilhões de pessoas em um sistema de comunicação integrado, transformando a forma de comunicação entre as pessoas. As redes sociais, com troca de informações sem filtros e sem controle desafiam especialistas com diferentes visões sobre os mais diversos assuntos, permitem a mobilização de multidões para eventos e formam consensos coletivos, rapidamente. As fakes news é o lado negro das redes sociais.

A grande velocidade e a forma com que as mudanças ocorrem tornam técnicas de gestão consagradas no passado, literalmente, obsoletas. Pesquisas de opinião por amostragem foram substituídas por algoritmos de análise de grandes volumes de dados (Big Data), obtidos por aplicativos gratuitos nos smartphones com georreferenciamento. Sistemas de aprendizado de máquina – Machine Learning – aprendem, continuamente, sem interferência humana, oferecendo alternativas inéditas para solução de problemas complexos. Sistemas de Redes Neurais Artificiais, desenvolvem algoritmos próprios a partir de dados coletado para identificar padrões que não são percebidos pelos cérebros dos humanos. A robótica potencializada pela inteligência artificial quebra vários paradigmas da indústria tradicional, questionando até mesmo o modelo econômico globalizado. A quarta revolução da industrial, ou a Indústria 4.0, estabelece novos conceitos e modelos de produção que aumentam, exponencialmente, a produtividade a cadeia de valor da indústria.

As startups que utilizam tecnologias emergentes de forma intensiva, criam novos modelos de negócios que são rapidamente adotados pelo mercado, deixando para trás empresas de grande reputação e tradição. As startups, desapegadas de antigos conceitos de gestão e hierarquia organizacional, criam e identificam mais rapidamente as mudanças de comportamento dos consumidores, adaptando-se para atendê-los de forma ágil e com custos acessíveis.

As transformações das empresas provocam a transformação das cidades. Os gestores municipais devem criar iniciativas e programas para atrair as novas empresas para compensar a perda de receita e empregos devido ao fechamento e êxodo de empresas tradicionais. Os gestores municipais com apoio da comunidade empresarial e sociedade local devem adotar uma governança integrada e inteligente para garantir que a cidade seja competitiva para gerar negócios para o resto do mundo. Só assim, ela será a melhor cidade para os cidadãos.

Somado a todos estes desafios, cada um de nós, empresários, empreendedores, conselheiros de administração, diretores executivos, empregados, fornecedores, clientes e agentes do governo devem adotar práticas sustentáveis para atender as demandas sociais e a proteção do meio ambiente. Desenvolver negócios sustentáveis atendem as demandas socioambientais, aumentam a reputação e criam mais valor de mercado para as empresas.

Boa leitura!

Eduardo Fagundes

Autor

Eduardo Fagundes

Bio

Executivo sênior com mais de 25 anos em empresas multinacionais, incluindo a Ford Motor Company (manufatura) e a AES Corp (energia). Desenvolveu projetos na Alemanha, Argentina, Estados Unidos, Índia, Inglaterra e Itália. Fundador da nMentors, uma empresa de gestão conhecimento para o mercado B2B. Mentor em projetos de inteligência artificial e investidor-anjo em energias renováveis e soluções de sustentabilidade.

Pesquisador de Big Data e Inteligência Artificial (AI) na Universidade Presbiteriana Mackenzie (SP). Professor de organizações à prova de futuro no MBA de gestão estratégica de negócios na FIAP (SP). Professor em cursos de pós-graduação: Compliance Digital (módulo Governança Corporativa), Segurança e Inteligência Cibernética (módulo Governança em Segurança Cibernética), Marketing Digital e Big Data (módulo Gestão de Negócios orientado a Dados) na Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Graduado em engenharia elétrica pela Politécnica da PUC-RS. Especialização em telecomunicações pela FAAP-SP. Mestrado em Ciência da Computação/Engenharia Elétrica pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Extensão universitária em Leadership & Business na Darden School of Business da Universidade da Virginia (EUA). Escreveu o livro Como Ingressar nos Negócios Digitais em parceria com o SEBRAE Nacional.