Fibra óptica

Slide10

As fibras ópticas são fios de vidro que transmitem luz. Uma fibra óptica é um capilar formado por materiais cristalinos e homogêneos, transparentes o bastante para guiar um feixe de luz (visível ou infravermelho) através de um trajeto qualquer. Uma única fibra óptica é capaz de transmitir trilhões de bits por segundo. Além da enorme capacidade de transmissão, as fibras ópticas oferecem muitas vantagens sobre a eletricidade e os fios de cobre. Pulsos de luz não são afetados por ruídos eletromagnéticos do meio externo e a taxa de erro é significativamente baixa.

As fibras ópticas podem transmitir o sinal por longas distâncias antes de ser regenerado por repetidores. As fibras são mais seguras porque qualquer conexão não autorizada pode ser detectada. Atualmente a instalação de fibra está sendo amplamente utilizada porque possuem um peso e diâmetro muito menores comparados com os cabos de cobre.  Os cabos de cobre estão sendo gradativamente substituídos pelas fibras ópticas nos ‘backbones’ de LAN e é esperado que este uso aumente substancialmente.

Uma fibra óptica é construída de um miolo transparente de dióxido de silicone (SiO2) quase puro pelo qual viaja o feixe de luz. O miolo é rodeado por uma camada de protetora que reflete luz guiando a luz novamente para o centro. Um plástico cobre a camada de proteção para proteger a superfície da fibra. Os cabos também são constituídos por fibras de Kevlar, um material mais resistente que o aço, e externamente o cabo é envolvido por uma camada de plástico ou Teflon para proteção.

As fibras ópticas possuem duas “janelas ópticas” onde elas são mais transparentes e eficientes. Os centros dessas janelas são de 1300 nm e 1550 nm, provendo aproximadamente 18,000GHz e 12,000GHz, respectivamente, para um total de 30,000GHz. Essa enorme largura de banda é potencialmente utilizável em uma fibra. O plástico também é usado nas fibras para curtas-distância e as janelas transparentes são tipicamente 650 nm e 750-900 nm.

Existem basicamente dois tipos de fibras: a fibra multímoda (multimode) muito utilizada para pequenas distâncias com um núcleo de 50 a 100 mícron e as fibras monomodo (singlemode) para distâncias maiores.

 

Deixe uma resposta