Protocolo CSMA/CD

A Ethernet usa um refinamento do protocolo ALOHA, conhecido como Carrier Sense Multiple Access (CSMA) que melhora desempenho quando houver um tráfego alto de dados. Quando um NIC tiver dados para transmitir, o NIC escuta o cabo primeiro (usando um transceptor) para ver se existe portadora (sinal) e inicia a transmissão para outra estação. Isto pode ser feito monitorando se existe corrente no cabo (cada bit corresponde a 18-20 milliAmps (mA)). Cada bit individual é enviado codificado com 10 (ou 100 MHz para Fast Ethernet) através de uma codificação de Manchester. Os dados só é enviado quando nenhuma portadora é observada no meio físico. Qualquer NIC que não precisa transmitir, escuta para ver se outro NICs começa a transmitir alguma informação.

Porém, isto só não pode prevenir dois NICs que transmitirem ao mesmo tempo. Se dois NICs tentam simultaneamente transmitir, então ambos poderiam ver um médio físico inativo (i.e. nenhum  verá o sinal de portadora), e ambos concluirão que nenhum outro NIC está usando o médio atualmente. Neste caso, decidirão transmitir e então haverá uma colisão. A colisão resultará na corrupção do frame enviado que será descartado subseqüentemente pelo receptor após não ter validado o CRC.

 

Deixe uma resposta