Pular para o conteúdo

Frequências de amostragem

 

Slide8O circuito que permite amostrar o sinal é uma simples chave que se fecha por um brevíssimo instante, na cadencia da freqüência de amostragem. Por ex. se a frequência de amostragem for de 8 kHz, a chave se fecha 8000 vezes por segundo, ou seja, a cada 125 micro segundo. Como a chave se fecha por um tempo extremamente curto, teremos na sua saída um sinal em forma de pulsos estreitos, com amplitude igual ao valor instantâneo do sinal, chamados pulsos PAM (pulsos modulados em amplitude)

Na figura da direita, em cima a amostragem com frequência maior que duas vezes a do sinal  existe amostras suficientes para que o sinal possa ser reproduzido sem distorção. (lembramos que a frequência de amostragem fam = 1 / Ta).

Na mesma figura no meio, a taxa de amostragem é igual a duas vezes a freqüência do sinal : não é possível a sua reprodução pois o sinal PAM vale zero. ( havendo defasagem dos pontos de amostragem, haveria sinal PAM, porém com amplitude errada, a não ser que por coincidência os pontos caíssem nos picos da senoide, isso explica a necessidade que as amostragem sejam maiores que o dobro no Teorema de Nyquist.

Em baixo, a frequência de amostragem é menor que o dobro da frequência do sinal : a quantidade de amostras é insuficiente e o sinal reproduzido estará errado, em vermelho na figura.