Big Data, Analytics, IoT and Smart Grid GRC

O incentivo a geração de energia distribuída em residências e o crescimento de plantas de geração eólica e solar aumentam a complexidade de gestão do sistema elétrico, particularmente no Brasil que possui um sistema de transmissão integrado com dimensões continentais. Já experimentamos vários apagões elétricos por falhas no gerenciamento, problemas técnicos em equipamentos e quedas de linhas de transmissão devido a eventos climáticos extremos ou queimadas. A crescente automação dos processos de monitoração e controle do sistemas introduziu novos ativos de hardware e software passíveis de ataques cibernéticos. É fundamental adotar políticas e processos de governança de segurança cibernética, novas ferramentas de gerenciamento de risco e controles de conformidade para avaliar a aderência com a regulamentação e a legislação, ou o Smart Grid Cyber Security Governance, Risk Management, and Compliance. A correta manipulação do alto volume de dados produzidos pelos equipamentos inteligentes é crítica para o monitoramento e controle do sistema elétrico. Neste contexto, as tecnologias de Big Data, Analytics e Internet of Things são indispensáveis para garantir a alta disponibilidade dos serviços.

As principais aplicações de uma solução de Smart Grid Cyber Security Governance, Risk Management, and Compliance são:

  •  Identificação de ativos cibernéticos;
  •  Ferramentas de avaliação de risco de ativos cibernéticos;
  •  Documentação da arquitetura, política e padrões do GRC;
  •  Gestão de Mudanças;
  •  Gerenciamento da Configuração;
  •  Monitoração das interfaces de sistemas não empresariais, como SCADA e acesso físico;
  •  Conformidade com a legislação e normas regulatórias;
  •  Preparação e gerenciamento de auditorias.

O sistema elétrico é complexo envolvendo várias dimensões: mercado; geração; transmissão; distribuição; operação; provedores de serviços e clientes. A integração dos sistemas dentro de cada dimensão e com outras dimensões é fundamental para o perfeito funcionamento dos serviços.

image

Para uma visão integrada e holística do sistema de forma centralizada a única solução disponível hoje é criar um grande banco de dados com tecnologia noSQL, ferramentas avançadas de análise de dados (Analytics) em ambiente de Cloud Computing. A coleta de dados pode ser realizada com soluções de SOA, REST, interfaces com sistemas SCADA e a partir de sensores remotos usando tecnologia Internet of Things. Ter os dados armazenados e fazer análises aleatórias não é produtivo e coloca em risco o investimento, a segurança e a disponibilidade do sistema. É necessário uma metodologia para analisar os dados. Minha recomendação é utilizar o Six Sigma, uma metodologia de melhoria contínua de processos e redução do número de falhas, aplicada tanto para equipamentos como para processos.

A figura abaixo mostra uma solução para o gerenciamento e análise avançada de dados usando a metodologia de Six Sigma. Esse solução é baseada quase que exclusivamente em software open source, reduzindo consideravelmente os custos de implantação e operação. Uma alternativa é a substituição de software de análise pelo desenvolvimento de programas específicos e reutilizáveis usando a linguagem R.

image

O assunto é complexo e não se esgota apenas na visão apresentada nesse artigo. Recomendo a leitura de outros artigos que escrevi sobre o assunto.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta